Atlântico vence Joinville em jogo disputado

Em um jogo disputado e de forte marcação, Atlântico conquista mais uma vitória no Caldeirão do Galo

“Uma atuação de time campeão”, foi com está frase que o fixo Allan resumiu o duelo do Atlântico diante do Joinville em rodada válida pela Liga Nacional de Futsal, onde o time erechinense garantiu a vitória por 4 a 3, com gols de Cleber, Caio Junior, Barbosinha e Allan.

Allan também salientou a transformação que o Galo teve durante a Taça Brasil. “Uma equipe aguerrida, que se transformou dentro da Taça Brasil. Crescemos bastante e nos tornamos uma equipe a ser batida. Temos muito a evoluir e muitas vitórias a conquistar”.

Antes da bola rolar no Caldeirão do Galo, integrantes da Camisa 6 entregaram o pôster de campeão aos atletas do Atlântico.

Foto: Kaliandra Alves Dias

Jogo na segunda-feira

A sequência de jogos do Atlântico a partir de agora será intensa. Já na segunda-feira, dia 2 de setembro, o Galo volta a quadra, desta vez pela Liga Gaúcha de Futsal. O time enfrenta a Abelc, de Boa Vista do Buricá. O jogo será no Ginásio Caldeirão do Galo e os ingressos podem ser antecipados pela campanha Torcedor Master Galo. A campanha consiste em compras na Rede Master, em produtos das marcas parceiras (Apti, Aurora, Gota Limpa, Fruki, Parati, Piá, Erva-Mate Rei Verde, Farinha Sananduva, Alca Foods), exceto leite e produtos do açougue, onde cada R$ 25,00 valem um ingresso. No horário do jogo, a bilheteria do Ginásio terá ingressos ao valor de R$ 25,00, sendo que sócios do CER Atlântico pagam R$ 20,00. Crianças até 12 anos não pagam. Estudantes e idosos, com carteirinha, pagam meia entrada.

O jogo

O duelo entre Atlântico e Joinville começou disputado e com forte marcação. Aos poucos, o Galo passou a chegar com perigo ao gol defendido por Willian. A primeira oportundiade do time erechinense surgiu com Cleber, depois de cobrar uma falta. Bem posicionado, o goleiro do Joinville defendeu.

A resposta dos catarinenses veio com Jackson Samurai. Em um chute a média distância, o ala fez o goleiro Jackson espalmar mandando a bola para escanteio. O Atlântico voltou novamente ao ataque com Allan. O capitão do Galo roubou a bola no setor defensivo, construiu o contra-ataque levando a bola até a linha de fundo. No momento do cruzamento, encontrou com Luquinhas, que quase abriu o placar no Caldeirão do Galo. Melhor em quadra, o Atlântico chegou ao seu gol com Cleber depois de uma tabelinha com Allan aos 15m54. A vantagem do Galo foi ampliada com o pivô Caio Júnior, aos 16m20. No minuto final do 1ª tempo, o Joinville descontou com Jackson Samurai.

Foto: Kaliandra Alves Dias

O início do segundo tempo foi de pressão imposta pelo Atlântico que pressionou e buscou ampliar o placar. Barbosinha arriscou, e a bola passou a direita do gol defendido por William. Na sequência, o Galo teve uma falta ao seu favor. Na cobrança de Allan, o camisa 20 escorou para Silva, que arriscou e William defendeu. No escanteio, Silva novamente arriscou, e desta vez, a bola parou na defesa. Mas quem fez a rede balançar no Caldeirão do Galo foi Leco, que se livrou de Lucas e tirou a bola do goleiro Jackson. Apesar do gol sofrido, o Galo continou pressionando. Aos 15m, Barbosinha empatou e fez a alegria dos torcedores que compareceram ao ginásio. O time erechinense ainda perdeu um tiro livre. Mas o gol perdido, não fez falta. Dois minutos após, Allan marcou o gol que decretou a vitória do Atlântico na partida.

Com a conquista dos três pontos, o Atlântico vai a 23 pontos. Pela Liga Nacional, o Galo volta a quadra na sexta-feira, 06 de setembro, diante do Copagril.