Mesmo com grande produção, Atlântico acaba sofrendo derrota pela LNF

Galo fez segundo jogo pela competição nacional e já passa a pensar na final da Superliga Gaúcha 

Em uma noite de cinco gols no Caldeirão do Galo, em Erechim, o Atlântico acabou sofrendo sua primeira derrota na Liga Nacional de Futsal (LNF). Esteve a frente do placar por duas vezes, mas foi o Blumenau quem buscou a virada no final e venceu por 3 a 2.

O resultado deixa as duas equipes com três pontos na tabela do Grupo B, nesta primeira fase da competição. “Acredito que tenhamos conseguido um bom ritmo de jogo, boa produção, criamos muitas oportunidades, mas falhamos em alguns lances que não poderíamos. Agora é levantar a cabeça, a Liga está apenas no começo e vamos, fora de casa, em busca destes pontos perdidos”, disse o fixo Grillo, autor do primeiro gol do Atlântico.

atlaxblu8

O treinador Giba também lamentou o resultado negativo. “Tivemos novamente uma boa produção, mas tem situações que trabalhamos durante os treinos que tem que acontecer nos jogos. Sabíamos da força deles na jogada com goleiro linha e infelizmente não conseguimos pará-los. Mas é seguir trabalhando, já temos jogo pela frente no sábado e temos que nos preparar para este novo desafio”, completou o técnico Giba.

Superliga

No sábado, dia 29, o Atlântico decide a Superliga Gaúcha de Futsal, diante do Guarany, em Erechim, a partir 19h. Será a reedição da final da Liga Gaúcha de 2019, onde o Galo venceu. O Guarany decide por ter sido campeão da Copa dos Pampas na mesma temporada. Novamente, pelos protocolos de saúde, não haverá presença de torcedor no Ginásio.

 

O jogo desta quinta

O Atlântico começou a partida diante do Blumenau, tomando a iniciativa. E aos 9min30, Grillo recebeu na esquerda e simplesmente “fuzilou” o goleiro do Blumenau, abrindo o placar no Caldeirão do Galo: 2 a 1.

Na etapa final, novamente foi o Atlântico quem começou criando as principais oportunidades. A 10min56, Dieguinho acertou a trave.

atlaxblu2

A reta final seria bastante movimentada. A 16min10, na troca de passes, Mika empatou o placar: 1 a 1. Pouco depois Silva recebeu a cobrança de escanteio e desviou para fazer 2 a 1 e colocar novamente o Galo em vantagem.

Mas o Blumenau voltou a empatar, aos 17min com Dé e chegou a virada no marcador, aos 18min, através de Rudi, dando números finais ao jogo em Erechim. 

Esta ação integra o projeto Atlântico Futsal Campeão 2020, que é financiado pelo Governo do estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Esporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte.